The Fallen Gods

InícioInício  PortalPortal  CalendárioCalendário  FAQFAQ  BuscarBuscar  MembrosMembros  GruposGrupos  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  



Compartilhe | .
 

Missão de Caça (Mack)

Hera

Deusa do Casamento
avatar
Deusa do Casamento
Mensagens : 7
Data de inscrição : 22/06/2012
Idade : 22
Ver perfil do usuário http://fallengods.forumeiros.com

MensagemMissão de Caça (Mack) por Hera

Sex Jul 06, 2012 7:28 pm

Esta um dia frio e chuvoso em Nova York e o Central Park esta praticamente vazio. Não que a chuva tenha afastado as pessoas de lá, elas já não se dão ao trabalho de ir ao parque e se não fosse pelos funcionário do GP que trabalham incansavelmente para proteger uma das únicas áreas verdes de NY, o parque provavelmente seria destruído para que mais uma construção bela e desnecessária fosse levantada "pelo bem da evolução". Palavras do Sr. White, o presidente.

Há 3 semanas atrás estavam transportando uma raça especial de lobos para um zoológico quando o caminhão que carregava os animais foi atacado e a maior parte fugiu para as ruas de NY. Quase todos foram capturados e levados para o zoo, um deles entretanto se escondeu no parque e embora os funcionários do zoológico tenham procurado por horas não o encontraram.

Sua missão é simples, capture o lobo e ele será seu.

Boa sorte!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Mack Allen Phillips

Devoto de Hera
avatar
Devoto de Hera
Mensagens : 8
Data de inscrição : 06/07/2012
Idade : 24
Ver perfil do usuário

MensagemRe: Missão de Caça (Mack) por Mack Allen Phillips

Sab Jul 07, 2012 11:46 pm

Quem diria que eu chegaria tão longe, tão longe do que cogitei chegar quando só via através da escuridão. Admito dizer que a escuridão foi meu maior mestre, depois de Hera, depois do meu grande pai adotivo Steven Allen Phillips. Talvez eu só enxergasse com transparência o que acontecia por detrás dela, porque ela queria me ensinar, ensinar que a luz não significava apenas o bem, como de clichê. Sim, eu aprendi que a luz trazia a você a tristeza, trazia a nitidez de coisas que simplesmente deveriam ficar ocultas. A luz e a escuridão tinham pontos positivos e negativos, eram como dois amigos: a luz contaria tudo que você deveria saber, isso te magoaria, mas ao menos você teria consciência de tudo; a escuridão é o tipo de amigo que ocultará tudo que te fará sofrer, embora isso possa ser pior depois. Ela pensa que "depois" você estará muito mais preparado, pois caso não estiver, a culpa foi sua, não dela. Porém, a escuridão mostrou a mim tudo que os outros não veem, isto é, enquanto a escuridão obscura seus sentimentos e os deixa neutros, a escuridão, para mim, me consolava e me mostrava a verdade do mundo, uma verdade que não doeria para mim no presente, e doeria no futuro caso eu não estivesse preparado. Por quê? Porque se eu não estiver, a culpa será minha, não da escuridão. Eu, estupidamente, costumava denominar pessoas importantes para mim como escuridão e luz. Hera, minha mestra, era como a escuridão, eu tinha certeza que ela ocultava coisas importantes de mim à mim, mas como eu sempre vi através dela, a Deusa me mostrou toda a verdade que circunda a luz, que todos os "bonzinhos" ainda não viram; Steven, meu pai adotivo, já falecido, era como a luz, ele nunca ocultou nada dele para mim, e sempre mostrou o que as trevas escondiam atrás da negritude. Aliás.. quando digo que Hera é importante para mim, é porque ela me ensinou muito do novo mundo em que vivo; contudo, eu não passava de um devoto mortal para ela, eu nunca daria alegrias àquela deusa, ela tinha tudo que precisava no estalar de seus dedos. Steven, entretanto, compartilhou comigo suas alegrias e tristezas, e eu pude dar alegria a ele sendo o filho que ele tinha perdido. Não um substituto, eu mais me intitulava "escuridão", porque consolei-o e deixei oculto o que passou, visamos apenas a alegria, alegria a qual durou apenas um ano.

Mais um sonho me trouxe aquele parque o qual raramente avistei de longe. Ainda que a água que caia das nuvens, o frio e a ausência de seres vivos ali me agradasse demasiadamente, senti-me estranho, algo faltava para mim. Caminhando numa calçada vazia daquele lugar sombrio, com o vento inclinando árvores, continuei rumando. Funcionários do local passavam correndo por mim, exclamando algo como "Achem-no!", esbarrando em meu ombro, mas não dei muito bola de momento, apenas fitei meus arredores, afim de constatar que ninguém mais estava me observando. Estava. Olhos vermelhos me observavam atrás de uma fileira de árvores enormes e imponentes. Eu sabia que ele enxergava à noite, pois eu também possuía tal capacidade, embora estivesse aprimorando meus "porquês". Senti algo forte me envolver naquele momento, aquele animal era um lobo cinzento, seu pelo estava ligeiramente molhado e suas presas estavam para fora da boca, tentando me intimidar. Mantive minha adaga no cinto, ponderei apalpar minha guitarra, mas satisfiz-me em acariciar meu anel - anel o qual ainda não conhecia o presenteador. "Garoto... não fuja de mim." - resmunguei baixinho, eu tinha certeza que ele me escutou e me entendeu, considerando que não me respondeu, ainda sim eu tinha certeza. O olhar dele me dizia que ele tinha muito a me contar, muito a descobrir em mim, assim como eu nele. Precisávamos nos descobrir. Mas... ele estava realmente camuflado. Eu não o via mais, onde estava? Tentei moldar minha sombra com a das árvore, ou subir num banco, tentando avistá-lo, e nada. Então, adentrei a floresta, eu queria olhar para os olhos daquele lobo novamente, olhá-lo bem de perto.



Voltar ao Topo Ir em baixo
 

Missão de Caça (Mack)

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

 Tópicos similares

-
» Bingo Book Missões
» Missão 3: A procura de Ivo
» Criação de Missões
» Missão particular de Rank D - [Bingo Book] Saito Minamoto
» Tópico de Ajuda: Fazendo da Missão uma Aventura

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
The Fallen Gods :: O Mundo :: Estados Unidos :: New York-